Capítulo 2 : o que é a electricidade?

A electricidade dá força dinâmica a muitas coisas que utilizamos. Alguns objectos como o comando da televisão ou os "GameBoys" usam a electricidade armazenada nas baterias como energia química. Outros usam a electricidade contida nas tomadas por meio da uma ficha eléctrica.
A energia que existe nas tomadas das nossas casas vem de outro sítio. Ela chega-nos através de fios eléctricos.
Mas como é que a energia eléctrica vem por um fio sólido? E um fio não é como uma mangueira por onde corre a água?
Vamos tentar responder a estas perguntas.

Qualquer material é composto por átomos, cada átomo contém pequenas partículas sendo uma delas o electrão. Estes electrões giram à volta do centro, ou do núcleo do átomo tal como a lua gira à volta do sol.

atom.gif (7840 bytes)

O núcleo é constituído por neutrões e protões. Os electrões têm carga negativa, os protões têm carga positiva e os neutrões são electricamente neutros, ou seja, a sua carga não é nem positiva nem negativa.

Em alguns tipos de átomos os electrões são pouco ligados ao núcleo podendo facilmente saltar para outro átomo. Quando estes electrões de movem de átomo em átomo cria-se uma corrente eléctrica.

Isto é o que acontece num fio. A deslocação dos electrões ao longo do fio criam a corrente eléctrica (consulta a figura).

wire.gif (2992 bytes)

Há materiais que conduzem melhor a electricidade que outros, o que é medido através da sua resistência. Quanto menor a resistência do fio melhor é a condução eléctrica, pois significa que os electrões estão menos ligados ao seu núcleo. A resistência dos fios depende da sua grossura, comprimento e composição.
O cobre é dos metais com menor resistência eléctrica e, por isso, é usado regularmente como condutor eléctrico. Os fios eléctricos que passam pelas paredes de tua casa chegando ás lâmpadas e tomadas são quase sempre de cobre.

A força eléctrica que desloca o electrão é medida em volts. Em Portugal usam-se 220 volts de energia eléctrica para todas as aplicações eléctricas. Na América usam-se 110 volts para aplicações regulares e 220 volts para grandes aplicações.

As baterias contêm energia química armazenada. Quando os químicos reagem entre si produzem uma carga eléctrica. Esta carga transforma-se em energia eléctrica quando ligados a um circuito.

battery.gif (10673 bytes)

Dentro deste circuito podemos ter uma lâmpada e um botão para ligar/desligar. A lâmpada transforma a energia eléctrica em luz e calor.
Através de uma bateria também podemos criar calor. Quando existe corrente eléctrica, a resistência causa fricção e a fricção causa calor, quanto maior a resistência mais quente se torna. Por exemplo, um secador contém um pequeno rolo de fios com grande resistência que quando ligado gera calor, secando assim o teu cabelo.

Tenta a seguinte experiência: esfrega um balão numa camisola de lã ou no teu cabelo. Depois encosta-o à parede, se o largares ele permanece lá (como se estivesse colado). Agora esfrega dois balões um no outro, segura-os pelas pontas e junta-os. Vais verificar que eles se repelem. Ao friccionar os dois balões eles adquirem electricidade estática. Ao esfregar o balão, ele adquirir electrões extra da camisola ou do cabelo ficando negativamente carregado. A carga negativa do primeiro balão atrai a carga positiva da parede, assim o balão mantêm-se, por alguns instantes, suspenso na parede. Os dois balões friccionados adquirem carga negativa. Ora, sabendo que a carga negativa repele a carga negativa e a positiva repele a positiva, os dois balões de carga negativa repelem-se, afastando-se naturalmente um do outro.

balloon.gif (1865 bytes)

A electricidade estática também te pode dar choque. Experimente arrastar os pés em cima de uma carpete, ao tocares num metal qualquer pode sair uma faísca entre ti e o objecto metálico. Esta reacção acontece porque através da fricção os teus pés adquirem electrões que se espalham pelo teu corpo. Quando tocas num metal de carga positiva a electricidade do teu corpo transfere-se para a do metal provocando um choque.

Outro tipo de electricidade estática é aquela que se vê durante uma trovoada. Nas nuvens cinzentas concentram-se cristais de água que chocam uns com os outros. Deste modo, as nuvens ficam tão carregadas que os electrões saltam para o chão ou para outra outras nuvens, criando uma corrente eléctrica chamada relâmpago.

Revisão da matéria dada

1. A electricidade é a corrente de energia de um sítio para o outro.
2. Todos os átomos têm electrões que rodeiam o seu núcleo. Alguns electrões estão poucos presos ao seu núcleo e, por isso, movem-se para outro átomo; desta forma gera-se uma corrente eléctrica.
3. A electricidade corre melhor em alguns objectos do que noutros. O cobre é um bom condutor eléctrico.
4. A força eléctrica que empurra o electrão é medida em volts.
5. As baterias armazenam energia química. Um circuito eléctrico liga o polo positivo ao negativo da bateria formando assim uma corrente eléctrica.
6. A electricidade estática não se move. É o tipo de energia que cola um balão à parede se o friccionares a uma camisola de lã. Os relâmpagos são outra forma de electricidade estática.

[Menu Principal] | [Geradores, Turbinas e Centrais Eléctricas]

(Texto - traduzido e adaptado - e imagens extraídos do site "Energy Quest")